Home MUNDO Autoridades têm até quatro dias para resgate em caverna na Tailândia

Autoridades têm até quatro dias para resgate em caverna na Tailândia

4 min read
0
0
469

As equipes de resgate fazem uma corrida contra o tempo para retirar o grupo que está preso em uma caverna na Tailândia, pressionada pela previsão de chuva forte na região para os próximos dias.

O coordenador da célula de crise, Narongsak Osottanakorn, afirmou que “Agora e pelos próximos três ou quatro dias, as condições para uma evacuação são perfeitas em relação à água, ao tempo e à saúde dos meninos. Temos que decidir o que podemos fazer”, declarou.

Porém, ele não deu detalhes de como esse resgate poderia ser realizado. Com a chuva, o nível de água pode subir no ponto onde os meninos estão refugiados, a cerca de 4 km da entrada da caverna Tham Luang.

Os socorristas inseriram um tubo de vários quilômetros para transportar oxigênio até os meninos. Embora o nível de oxigênio tenha se estabilizado, o nível de “dióxido de carbono é outro fator” importante a ser levado em consideração.

Busca de cavidades
Os militares rastreiam o terreno da montanha na busca de uma cavidade na parte superior da montanha por onde o grupo poderia ser retirado com ajuda de um helicóptero. Mais de 100 perfurações já foram feitas na superfície, mas ainda não localizaram a posição do grupo.

Risco do mergulho
Outra possibilidade seria o grupo mergulhar pelas passagens inundadas, o que é considerada uma opção de alto risco – embora seja considerada por especialistas ouvidos pela Efe, a opção mais provável. Para isso, os jovens e o técnico começaram um treino intensivo para aprender a mergulhar. Porém, alguns dos meninos não sabem nem mesmo nadar.

As águas são lamacentas e frias, o que deixa mais difícil se localizar e aumenta o risco de hipotermia.

Na quinta-feira (5), a morte do mergulhador Saman Kunan, de 38 anos, ex-membro da Marinha tailandesa, deixou clara a dificuldade dos esforços de resgate que as equipes enfrentam. O triatleta, que se voluntariou a participar do resgate, morreu quando voltava de uma missão para levar cilindros de oxigênio para a caverna.

Embora estejam saudáveis, alguns deles ainda apresentam fraqueza em virtude do jejum que fizeram ao longo dos nove dias em que ficaram completamente isolados.

Fonte: g1.com

Load More Related Articles
Load More In MUNDO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Cerquilho recebe mais 310 doses de vacina de Oxford

Vacina contra Covid-19 em Cerquilho 📢Seguindo as definições do Governo Federal e do Govern…