Home CERQUILHO Grupo de bike faz homenagem a ciclista que morreu atropelado em Cerquilho

Grupo de bike faz homenagem a ciclista que morreu atropelado em Cerquilho

8 min read
0
0
1,445

Um grupo de ciclistas de Tietê (SP) fez uma homenagem a Marco Aurélio Lima Lopes, 27 anos, que morreu após ser atropelado por um motorista bêbado na rodovia Antônio Romano Schincariol (SP-127),em Cerquilho (SP). Uma bicicleta pintada de branco com uma placa com o nome do ciclista foi colocada às margens da rodovia no local do acidente.

De acordo com Alex Sandro Antônio Ferreira, que é um dos idealizadores do grupo, a atitude foi uma forma de homenagear o jovem e alertar os motoristas que passam pelo local sobre os perigos da imprudência.

“Nós ficamos sabendo do acidente porque o Marco era amigo de um dos integrantes do grupo, que é morador de Cerquilho. Ficamos muito comovidos com o que houve, porque é um trecho que muitos ciclistas costumam passar. Todos ficaram chocados. Então, tivemos a ideia de fazer essa homenagem”, conta.

Alex conta que é dono de uma bicicletaria e foi quem colocou a bicicleta pintada de branco junto com a placa.

“Pintei a bicicleta toda de branco, inclusive os pneus. Então, pendurei em um poste junto com uma placa que tem a data de nascimento e a data da morte dele. Espero que seja um alerta para os motoristas que passam pelo local. Que todos possam lembrar do que houve”, afirma.

Para o integrante do grupo Adriano Nascimento, que conhecia Marco há quatro anos, foi emocionante ver a homenagem que os amigos fizeram.

“Me falaram que fizeram isso e fui até o local ver. Eu me emocionei demais quando vi. Parece que a ficha ainda não caiu porque eu nunca ia imaginar que o Marco, uma pessoa tão alegre e que sempre estava com alto astral, sofreria isso”, ressalta.

De acordo com a Polícia Civil, Marco Aurélio Lima Lopes andava pela rodovia quando foi atingido pelo carro no quilômetro 89, na alça que dá acesso à cidade. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O motorista fugiu sem prestar socorro. Contudo, uma denúncia anônima informou que o suspeito havia abandonado o carro na Avenida Francisco Gaioto, próximo ao local do acidente.

O veículo com marca de batida foi apreendido e, através da placa, o jovem foi localizado.

Ele foi abordado em sua casa no bairro Vale do Sol e, conforme informado pela polícia, ainda apresentava sinais de embriaguez. O motorista foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia de Tatuí.

Liberado
Após passar por audiência de custódia, motorista de 21 anos vai responder ao processo de homicídio culposo em liberdade, segundo informou o Tribunal de Justiça.

Segundo o órgão, foi concedida a liberdade provisória para responder ao processo de homicídio culposo mediante o pagamento de fiança e com a imposição de medidas cautelares.

‘Imprudência matou meu filho’
O pai do ciclista afirmou ao G1 que o filho costumava andar de bicicleta com frequência e que tinha acabado de sair do trabalho quando sofreu o acidente. Para ele, Marco foi mais uma vítima da imprudência.

“A imprudência matou meu filho. O motorista bêbado foi o que agravou o acidente. Além disso, ele fugiu sem prestar socorro. Quando eu soube fiquei muito triste de saber que meu filho tinha morrido desse jeito”, afirma Carlos Lopes.

Segundo Carlos, o filho tinha se formado no ano passado em Educação Física e estava trabalhando em uma academia. Colegas de trabalho contaram que ele disse que ia sair com a bicicleta para espairecer.

“Ele trabalhava até 23h. Falaram que ele saiu da academia e pegou a bicicleta dizendo que ia dar uma volta para espairecer porque estava nervoso. Ele costumava andar de bicicleta, mas não muito à noite. Até falaram para ele não ir por causa do horário. Infelizmente ele foi”, contou o pai.

Ciclista de 27 anos morre ao ser atropelado por carro em rodovia de Cerquilho (Foto: Reprodução/Facebook)

Ainda segundo o pai do jovem, o desejo da família é que o motorista possa responder pelos atos.

“Meu filho era uma pessoa alegre, brincalhão e querido por todos. Tinha sonhos. havia perdido a mãe há dois anos e estava feliz em começar a trabalhar na academia. Eu só espero que a Justiça seja feita. Perder o filho é a pior coisa que tem”, ressalta.

Fonte: g1.com

Load More Related Articles
Load More In CERQUILHO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Acidente em rodovia no interior de SP provoca 37 mortes, diz PM

Um acidente entre um ônibus e um caminhão deixou 37 mortos e algumas pessoas feridas na ma…